quarta-feira, janeiro 20, 2010

SOU UMA CONVERSADEIRA

Em dois dias seguidos tenho dois estranhos a dizerem-me o mesmo: que pareço demasiado pessimista. Mas depois de alguma conversa chegam à conclusão de que parece haver salvação prá minha pessoa: afinal não sou tão pessimista como pareço à primeira vista.
Mas exactamente por causa da conversa de hoje, pergunto:
- Qual a parte positiva de se ter os pés sempre frios, inclusive no verão?
(Sérgio, se sempre passar por cá, a caixa de comentários está ao seu dispôr - aqui já é um outro local, numa outra situação)

4 comentários:

Flash disse...

A parte positiva dos pés frios prende-se com o facto de a menina ter uma actividade mental extremamente intensa o que faz com que o seu coração bombeie quantidades maciças de sangue para oxigenar os seus neurónios e descure os inquilinos do rés-do-chão!

Parece-me uma opção positiva do seu sistema cardio-vascular...


Ass: Flash
(especialista em "desculpas brilhantes")

Anónimo disse...

Este tempo não ajuda a ser optismista....
A culpa é do tempo...também não põe os pés ao sol!!!!
Bjs.
Flor

Sergio disse...

Não sei como vai resultar esta experiencia de participar num "blog" pois eu sou mais bolos.

Agora percebo a necessidade das escutas. Sem elas os factos transformam-se e ganham vida própria.

Não é então que após pesquisa na Internet encontrei as escutas das referidas conversas entre a proprietária desta esplanada e os estranhos a que ela se refere de forma tão convenientemente distante.

Nessas escutas ouvia-se :

Estranho : "Voçê está com um ar meio abatido."
LOurdes : "Costumam-me dizer isso quando me visto de preto..."

O resto da conversa além de dar imenso trabalho, não é transcrivel ( nem sei se esta palavra existe ) para um sitio público como este.

Como podem constatar a proprietaria cá do burgo não é bem pessimista, devia era usar outras cores. Palavras dela porque eu cá não sei, só ouvi dizer.

Quanto aos pés frios, não sei se poderão estar relacionados com o excesso de fibras e produtos integrais que algumas pessoas consomem.

Eu diria que é concerteza apenas má circulação pelo que o lado positivo da coisa é obrigar-nos a melhorar a circulação.

Com tanta variedade de opções fica ao critério e à imaginação de cada um.

Mas continuo a achar que se estivesse tudo frio, além dos pés, seria muito pior sinal.

Como sempre acontece nestas coisas da escrita não era nada disto que se pretendia mas agora vai ser bem mais fácil clicar no botão "Publicar" do que apagar isto tudo.

Aproveito para agradecer publicamente às nossas queridas forças policiais a linda prenda que me deixaram tão carinhosamente no parabrisas. Podiam era ter deixado um talão de oferta e não uma factura de 30 euros para pagar!

Lurdes disse...

Flash, especialista em desculpas brilhantes e também em conseguires que os outros digam o que não querem dizer.

Não é sempre, Flor?! Coitado do tempo... mas ainda esta semana me consolei ali no Titan com um solinho maravilhoso à hora do almoço! E fiquei com os pés quentinhos!!!

Sérgio, obrigadinha pelo O entre o L e o U, sim?! Algo me diz que já leu umas coisinhas pra trás e decidiu vingar-se por causa da cena do tapete.
Continuo a pensar no que me disse acerca da minha ausência e nos efeitos provocados por ela...
Relativamente ao presente do fim do dia, já devia saber que em Matosinhos as forças policiais não perdoam. E eu que o diga!!!
Aproveito ainda para o informar que, ainda nesse dia e durante a aula de hidrginástica, os meus pés ficaram quentinhos e que hoje trago uma camisola cinza bem clarinha.


Beijinhos!