segunda-feira, outubro 19, 2009

O DESCANSO DO GUERREIRO

Hoje à hora do almoço a praia de Matosinhos estava cheia:

Vocês não acham que assim, todas dispostinhas em carreirinhas e quietinhas e de asinhas fechadinhas e bem longe do meu carrinho, as gaivotas até são girinhas?!

Mas como sempre nestas alturas, há um artista que gosta de estragar o sossego alheio:

Não fosse eu estar de saltos altos, tinha-me ido ao miúdo, ai tinha, tinha... sabe lá ele quanto eu gasto em lavagens com o peugeotzinho!

8 comentários:

suspiro de baunilha disse...

Passo aí todos os dias ;) adoro...

Anónimo disse...

Olha, onde eu passeava à hora do almoço (que saudades).
Sempre ouvi dizer "gaivotas em terra fome no mar".
Bjs.
Flor

Anónimo disse...

Olha, onde eu passeava à hora do almoço (que saudades).
Sempre ouvi dizer "gaivotas em terra fome no mar".
Bjs.
Flor

laida disse...

Realmente um lindo cenario...
O miúdo se calhar queria uma para levar pa casa:)
BEIJINHOS

A Teoria do Kaos disse...

Elas é que sabem... Toca a descansar ;-)

Já agora, se gostares de animais passa em animaisemportugal.blogspot.com

Cumprimentos,

Dina disse...

Então!...tinhas tirado os sapatos!!!

:)
Bjs

Lurdes disse...

À cabeça do miúdo, Dina! ;)

Eu não me importo que elas descansem! Importo-me é quando elas me tingem o carro...

É bom passear por aqui, sim!


Beijinhos

Lurdes disse...

Hoje até tirei uma soneca ao almoço ali mesmo, do outro lado e dentro do carro!!! :)))))))